Sem categoriaSurfar Melhor

Todos os anos estou recebendo e-mails de surfistas excitados que reservaram sua viagem para ir às Maldivas. Muitos desses surfistas estão em sua primeira viagem de surf no exterior e seus e-mails estão estourando figurativamente com níveis de Stoke! Sem exceção, todos me fazem uma pergunta: que pranchas devo levar?

Em vez de responder a todos os e-mails um por um, aqui está uma tentativa de oferecer algumas dicas gerais sobre quais pranchas você deviria levar para as Maldivas em 2019.
As Maldivas são conhecidas pelo seu surf consistente, acessível e perfeito. Um destino de surf inspirador que deve estar na lista de todos os surfistas.
De um modo geral é uma versão um pouco mais suave da Indonésia – as ondas não ficam tão grandes e muitas ondas quebram em águas mais profundas, em recifes levemente inclinados. Dito isto, ainda é um destino de classe mundial para todos surfista viajante com algumas ondas perfeitas! Os drops são geralmente fáceis, dando a você tempo de sobra para passar aquelas sessões mais tubulares a próxima seção e a outra depois… sim, as ondas são longas, muito longas e realmente perfeitas. Pense em água azul cristalina e tubos em perfeita forma cilíndrica no clima mais confortável em que você poderia surfar. E então, quando tudo se encaixa e um swell sólido atinge, bem, então você pode pensar nas melhores ondas que você já viu na sua vida! Eu sinceramente vi as possíveis melhores ondas da minha vida nesses dias de swell nas Maldivas.

Então, Qual Prancha devo levar?

Minha resposta imediata a essa pergunta é sempre a mesma; A primeira prancha que vai na sua “board bag” deve ser a que você normalmente andar a surfar normalmente em casa. Voce deveria contar com uma prancha que se sente bem, aquela prancha que sempre quando pega e se dar maior bem e funciona do seu pico, mesmo que tenha passado algumas semanas entre sessões de surf.
De uma boa limpeza, retire a parafina de agua fria em casa e verifique se há pequenos dings, mossas ou plugs das quilhas rachados. Se você encontrar alguma consertá-los! Em seguida, pode ate passar uma parafina de água morna e estará pronto para a primeira sessão de surf da manhã quando você acordar e tiver aquelas ondas perfeitas com 3- 4ft nas Maldivas.
A segunda prancha que eu traria seria uma prancha que vai muito bem em ondas pequenas. Algo mais gordo e mais largo talvez? Algo rápido e solto? Talvez uma fish ou uma twin fin ou quem sabe um longboard.
Se você adora surfar uma pranchinha padrão de alta permanece e não quer se desviar muito do seu caminho, talvez considere uma pequena fish board / ou algo mais largo que o sua convencional ShortBoard, existe uma variedade enorme de pranchas com essas características.
Você vai se divertir muito rasgando forte nessas pequenas seções e não vai perder nada quando voltar para sua pranchinha. Você pode ter certeza de que sempre numa viagem de surf haverá pelo menos alguns dias pequenos. Então, se você tem uma prancha que se adapte a esses pequenas ondas voce simplesmente se diverti e vai amar a vida nas Maldivas.
Então, sim, eu sempre recomendo encontrar espaço para essa prancha mágica de ondas pequenas. Especialmente porque essas ondas são tão boas e divertidas de surfar com uma prancha menor que você ficará surpreso com quantas vezes você vai utilizar essa prancha na Viagem.

Quantas pranchas ?

“Duas pranchas ou três?” É outra questão comum. Eu sempre digo que viajar com três pranchas parece muito melhor do que apenas ter duas (especialmente se você quebrar uma no início da sua viagem). Então não seja tímido, afinal é uma viagem de surf uma boat trip dos sonhos! Se você estiver em uma viagem de uma semana, sua terceira prancha deve ser determinada pela previsão de swell. As previsões são tão precisas nos dias de hoje que você terá uma boa idéia do que esperar antes de sair de casa para poder escolher uma prancha de acordo com o swell.
Se você está em uma viagem de duas semanas ou mais, então esta terceira prancha deve definitivamente ser um step-up. Uma prancha que você se sente realmente confiante no surf um pouco maior. Eu recomendo algo que rema facilmente em ondas em movimento mais rápido, algo que te permita dropper ondas mais cavadas e que segure um boa cavada na base da onda e que ganhe velocidade facilmente. Eu não estou falando de uma Gun estilo havaiano ou qualquer coisa aqui. Apenas uma prancha que você se sentirá confortável para surfar uma onda sólida. Talvez seja um par de centímetros a mais do que o seu pranchinha padrão. Talvez um pouco mais de espuma sob o peito para aumentar a potência da remada com uma bela rabeta Round Pin. Talvez um quad? Eu amo as minhas quad elas funcionam muito bem nas Maldivas e descobri que as quad me mantêm muito mais dentro do tubo nos dias de com mais swell, mas depende de você cada surfista tem suas preferencias e estilos de surf.
Esta numa embarcação realizando uma Boat Trip é fundamental parte desta viagem surf pois nos Permite surfar muitas ondas que só são acessíveis de barco, e no caminho para as ondas você pode observar uma grande variedade de ondas remotas e passagens surreais.
O Longboarding nas Maldivas você vai encontrar ondas perfeitas, com paredes abertas oferencendo ondas perfeitas para hangfives, com um longboard nessas aguas é um sentimento mágico, especialmente no início e no final da temporada, quando costumamos ter ondas pequenas e médias com leve ventos que permanece durante todo o dia. Quando as ondas estão pequenas e glass são muito divertidas em longboards modernos ou tradicionais. Mas esteja ciente de que muitas das ondas são longas e muito cavadas, se a ondulação for grande remar de volta para o pico pode ser difícil. Se você usa um longboard, talvez traga um backup de 7’6 ″ que é mais fácil de lidar se o swell for um pouco demais para o 9’6 ″.
Chega um momento na vida de todo surfista quando o desejo por uma prancha de surf retro vem a cabeça. Mesmo possuindo um tremor de pranchas curtas e longboards incríveis, há algo de especial sobre surfar em um quadro retrô ou uma twin fin. Surfar com uma prancha original dos anos 70, por exemplo, ou até mesmo uma prancha inspirada em décadas anteriores, não pode ser correspondida. Pessoalmente, sempre gosto de ter algo diferente na minha linha de surf alguma coisa que traga uma abordagem e um sentimento diferentes. Tenho um bom amigo Manel da Live Stoked no Baleal Portugal que me fornece alguns designs únicos para o meu quiver.
O que mais trazer? Traga roupas levas, uma nadadeira, protetor de ouvidos, um protetor solar orgânico que seja amigável com os corais.
Seja simpatico empacota também um rosto amigável! Um sorriso vai longe no line-up e lembre-se que todo mundo pagou para vir aqui também. Então, certifique-se de se revezar e saltar uma onda outra. Especialmente para um dos caras locais se acontecer de você estar remando ao lado de um!
Vejo você na água! Aloha e Mahalo.